Redes Sociais

I Liga

“Em Portugal os treinadores não têm tranquilidade”

Foto: Twitter de futebol365

O treinador do Moreirense, Ivo Vieira, disse esta quinta-feira que “em Portugal os treinadores não têm tranquilidade”, num comentário à saída de José Peseiro do Sporting, um técnico que descreveu como “excelente profissional”.

Convidado a comentar a saída de Peseiro do comando técnico dos ‘leões’, Ivo Vieira apontou que não se revê em “certos comportamentos do futebol português” e, sem comentar objetivamente, a saída do até aqui técnico do Sporting, disse que em Portugal se está a “perder a identidade”.

“É um excelente profissional, fez-me crescer muito na vida. Hoje, em Portugal, com todo o respeito, os treinadores não têm tranquilidade, ao fim de quatro jogos já se põe tudo em causa. Não me revejo nestes comportamentos”, disse Ivo Vieira.

O técnico dos minhotos, que falava aos jornalistas na antevisão ao jogo da nona jornada da I Liga portuguesa em futebol, na qual o Moreirense visita o Benfica, disse que “as pessoas não acreditam num percurso e apenas olham para o resultado”.

“Está-se a perder muito aquilo o que são decisões em relação a escolhas de treinadores. Não é só o Peseiro, todos os treinadores que não têm muitos pontos estão em causa. No ano passado ou há dois anos, foram vinte e tal alterações nos comandos técnicos. Se acham que isto faz bem ao futebol e faz o futebol crescer, continuem, porque a mim pouco me importa”, disse o técnico da equipa de Guimarães.

José Peseiro deixou, esta quinta-feira, o comando técnico do Sporting, após a derrota de quarta-feira por 2-1 na receção ao Estoril Praia, da II Liga de futebol, para a Taça da Liga.

O treinador, de 58 anos, regressou no início da temporada aos ‘leões’, durante a governação da comissão de gestão transitória liderada por Sousa Cintra, depois da saída de Bruno de Carvalho, e até à eleição de Frederico Varandas, em 08 de setembro.

Comentar

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais I Liga