Redes Sociais

AF Viana

Sindicato repudia comentários sobre jogadores do Valenciano

Foto: Facebook do Vitória SC

O Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol publicou, esta terça-feira, um comunicado no seu site onde repudia os comentários feitos pelo jornal ‘A Bola’, no que toca ao ajuizamento individual dos jogadores do SC Valenciano, no jogo a contar para a 3ª eliminatória da Taça de Portugal, frente ao Vitória SC.

in Jornal A BOLA (21/10/2018)

No mesmo dia, o Presidente do SC Valenciano, Luís Lima, apresentou também um comunicado. Neste, a direção considera que “um pedido de desculpas público reporá o respeito que os nossos jogadores e adeptos merecem e manterá o elevado estatuto que o vosso jornal detém”.

A partida, disputada no estádio Dr. Lourenço Raimundo, terminou com a vitória da equipa forasteira, por 0-7, com golos de Davidson, Boyd, Alexandre Guedes, Mattheus, João Afonso e Estupiñán, por duas vezes.

Comunicado do Sindicato na íntegra:

Em defesa do respeito e fair play por todos os intervenientes do futebol.

Ao tomar conhecimento do comentário/análise individual feita aos jogadores do Valenciano, na edição do jornal “A Bola”, de 21/10/2018, no rescaldo da partida entre este clube e o Vitória Sport Clube, para a Taça de Portugal, vem o Sindicato manifestar o mais veemente repúdio sobre o mesmo e exigir um retratamento e um pedido formal de desculpas aos profissionais de futebol visados.

Ciente dos princípios que norteiam a liberdade de imprensa e de expressão, mas também dos deveres deontológicos que devem impender sobre quem tem a responsabilidade de produzir conteúdos do domínio público, não podemos deixar de condenar os comentários proferidos em relação aos jogadores do Valenciano, que muito para além da ironia nos parecem humilhantes, jocosos e totalmente despropositados, contrariando o espírito de fair play e respeito pelo adversário que todos os operadores do sistema desportivo (entre os quais a imprensa) devem promover.

Este tom de gozo, que se agudiza a cada comentário sobre os jogadores que entraram em campo no jogo frente ao Vitória Sport Clube, é por nós assumido como uma ofensa a toda a classe dos futebolistas, que merecia outro respeito e tratamento.

Atento o prestígio e antiguidade do jornal “A Bola”, cremos não necessitar de mais considerações sobre este lamentável episódio, nem ter de reiterar que situações como esta não devam voltar a acontecer, pelo que deixamos formalmente o nosso pedido para que, na próxima edição deste Jornal, haja da parte dos responsáveis editoriais um retratamento e um pedido de desculpas aos atletas João Fernandes, Costa, Diogo Brito, Hélder, Moreira, Salé, Ricardinho, Goios, Chiva, Joel, Castro, França e Ricardo Paulo, visados na referida publicação.

Todos os que têm a coragem e determinação de dar o seu melhor dentro das quatro linhas, ao invés de alguém que não respeita as regras mais basilares de ética e profissionalismo, merecem o maior respeito e consideração.

Comentar

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais AF Viana