Redes Sociais

Hóquei

Sporting bate FC Porto e isola-se no topo do campeonato de hóquei

Foto: Facebook de Sporting Clube de Portugal - Modalidades

O Sporting venceu hoje o FC Porto por 5-3 e assumiu a liderança isolada do campeonato nacional de hóquei em patins, com 17 pontos, mais dois do que o Óquei de Barcelos, segundo classificado.

Nos primeiros minutos de jogo, o FC Porto entrou mais autoritário, com Reinaldo Garcia e Gonçalo Alves muito ativos no ataque, e Ângelo Girão sempre a corresponder com defesas de grande nível.

Aos 13 minutos, o Sporting chegou ao primeiro golo, através do espanhol Pedro Gil, mas a vantagem durou pouco mais de 15 segundos, já que, no lance seguinte, os ‘dragões’ chegaram ao empate, através de Gonçalo Alves.

Após um livre direto, aos 21 minutos, pela 10.ª falta dos ‘dragões’, Ferran Font encarou Nelson Filipe e fez o 2-1 para a equipa de Alvalade. Até ao final da primeira parte, o Sporting ‘geriu’ um jogo muito intenso e disputado.

A partida manteve-se muito viva nos primeiros minutos da segunda parte, e o FC Porto chegou mesmo ao empate, através de Gonçalo Alves, que ‘bisou’.

A meio da segunda parte, o jogo estava muito equilibrado, com ambas as equipas a terem oportunidades para marcar, mas o Sporting, em dois lances de contra-ataque, aos 46 minutos, fez dois golos, por Toni Pérez, para ficar a vencer por 4-2, com quatro minutos para jogar.

A precisar de reagir, o FC Porto teve um penálti a seu favor, logo no lance seguinte, e Gonçalo Alves reduziu o marcador para 4-3.

No entanto, o Sporting resolveu o encontro, após uma perda de bola de Reinaldo Garcia, com Gonzalo Romero a fazer o 5-3 final.

Com este triunfo, o Sporting, atual campeão nacional, isola-se no comando do campeonato, com 17 pontos, mais quatro do que o FC Porto, que é sexto classificado.

Jogo no Pavilhão João Rocha, em Lisboa.
Sporting – FC Porto, 5-3.
Ao intervalo: 2-1.

Marcadores: 1-0, Pedro Gil, 13 minutos. 1-1, Gonçalo Alves, 14. 2-1, Ferran Font, 21 (livre direto). 2-2, Rafa Costa, 30. 3-2, Toni Pérez, 46. 4-2, Toni Pérez, 46. 4-3, Gonçalo Alves, 47 (grande penalidade). 5-3, Gonzalo Romero, 48.

Sob a arbitragem de Joaquim Pinto (Porto) e Ricardo Leão (Lisboa), as equipas alinharam e marcaram:

Sporting: Ângelo Girão, Ferran Font, Caio, Matias Platero e Toni Pérez.
Jogaram ainda Pedro Gil, João Pinto, Henrique Magalhães, Gonzalo Romero.
Treinador: Paulo Freitas.

FC Porto: Nélson Filipe, Reinaldo Garcia, Hélder Nunes, Gonçalo Alves e Rafa Costa.
Jogaram ainda Telmo Pinto, Giulio Cocco e Daniel Oliveira ‘Poka’.
Treinador: Guillem Cabestany.

Ação disciplinar: cartão azul para Reinaldo Garcia (37)

Assistência: 1.886 espetadores.

Comentar

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais Hóquei