Redes Sociais

I Liga

Trincão e restantes campeões da Europa de sub-19 condecorados por Marcelo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, recebeu e condecorou hoje, no Palácio de Belém, em Lisboa, a seleção portuguesa de futebol de sub-19 que se sagrou campeã da Europa, em julho, na Finlândia, e que inclui o vianense Francisco Trincão, que foi eleito melhor marcador da prova, empatado com um colega, os também jogadores do SC Braga Francisco Moura e David Carmo, e ainda Romain Correia, do Vitória SC.

Liderados pelo treinador Hélio Sousa e a sua equipa técnica, estes jogadores e Diogo Costa, João Virgínia, Diogo Queirós, Rúben Vinagre, Thierry Correia, Florentino, Domingos Quina, Miguel Luís, Nuno Santos, Diogo Teixeira, Nuno Henrique, Mesaque Dju, João Filipe, José Gomes, Elves Baldé e Pedro Correia foram condecorados com a medalha da Ordem de Mérito, entregue por Marcelo Rebelo de Sousa.

“É uma honra voltar a entrar neste palácio. Estamos muito contentes com esta distinção. É uma motivação para continuarmos a trabalhar, para voltarmos aqui mais vezes e conseguirmos grandes feitos pelo nosso país”, afirmou Diogo Queirós, defendendo que a equipa “não pode”, contudo, “viver do passado” e, por isso, vai “procurar novas conquistas”.

Numa cerimónia em que o único ausente, por indisponibilidade, foi Ricardo Benjamim, guarda-redes do Deportivo da Corunha, Hélio Sousa e os restantes elementos da equipa técnica foram agraciados com o título de Comendador da Ordem de Mérito.

Hélio Sousa, além de destacar o “trabalho que tem sido feito com competência e êxito, certificado com campeonatos da Europa”, defendeu que “as conquistas são preparadas e conquistadas dia a dia”.

“Vamos começar hoje novo estágio para preparar o futuro, como temos feito desde 2009/10. Temos um percurso fantástico na Federação Portuguesa de Futebol, que nos têm dado as melhores condições para exercermos o nosso trabalho, condições de excelência que tentamos corresponder com trabalho de excelência, ajudando a potenciar os melhores jogadores do momento a chegar nas melhores condições à fase seguinte”, sublinhou o técnico.

Apesar de ter conquistado há pouco tempo o título europeu, o defesa Queirós revelou que a equipa já está focada em “fazer uma boa prestação” e está “a trabalhar para isso”, com vista ao Mundial da categoria.

“Claro que temos o sonho de ganhar ao Mundial, mas sabemos que irá ser um percurso muito complicado e vamos ter de batalhar em todos os jogos que nos aparecerem pela frente”, frisou o defesa, depois de enaltecer o “apoio do Presidente e de todos os portugueses”: “É mais uma motivação muito grande para continuarmos a fazer o nosso trabalho da melhor forma”, frisou o capitão dos sub-19.

O selecionador não poderia estar mais de acordo com o jogador, defendendo que “ainda há muito por conquistar” e, para tal, é necessário estar preparado.

“Continuamos com muito por conquistar, com muito trabalho árduo pelo caminho, em que haverão muitas tristezas que nos poderão trazer para baixo e que teremos de recuperar, para conseguirmos mais no futuro. O próximo momento estará mais à frente, mas nós vamos estar preparados e querer mais conquistas”, garantiu o treinador.

Na quinta-feira, a seleção nacional – agora no escalão sub-20 – enfrenta a Polónia, e na sexta-feira joga contra a Eslováquia, tal como no próximo domingo, numa fase de preparação para, segundo Hélio Sousa, “estar nas melhores condições e vencer o primeiro encontro do Mundial.”

Na homenagem à seleção nacional de sub-19 estiveram ainda o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, o Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e o presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes.

Comentar

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais I Liga